Delegado é preso acusado de envolvimento com tráfico de drogas

Delegado é preso acusado de envolvimento com tráfico de drogas 


No Litoral do Paraná ,atenção porque essa notícia grave um delegado aqui do estado é acusado de envolvimento com o tráfico de drogas

Lucas acompanhou toda essa questão e tem detalhes para trazer pra gente vamos lá lucas então vamos lá boa tarde passará amigos do tribunal a massa novamente é exatamente uma prisão muito grave o delegado titular daqui de matinhos delegado max dias lemos esse é o nome dele o delegado max dias lemos foi preso hoje pelo gaeco grupo de atuação especial e combate ao crime organizado ele foi preso pelo seguinte corrupção passiva e falsificação de documentos esse pelo menos era um mandado de prisão contra ele que foi expedido pela promotoria de byte e em conjunto com o gaeco de curitiba só que chegando na residência deste delegado os policiais e os membros do gaeco encontraram outra coisa que se conectava os fatos anteriores encontraram 200 pinos de cocaína este delegado que atua aqui na delegacia de cidadã de matinhos foi o trabalho hoje mas foi recepcionado por membros do gaeco oito membros do gaeco e dois policiais civis a gente pode ver nas imagens têm dois policiais civis aí de preto que são da corregedoria da polícia civil vieram de curitiba especialmente para essa prisão e além disso nós temos também a imagem exclusiva captada pelas lentes e alex magosso do momento em que os oito membros do gaeco encaminhavam o delegado max dias lemos para a viatura para ser preso neste momento ele e aí depois também temos a imagem dele saindo pelos portões de trás da delegacia cidadã martins neste momento ele está saindo daqui de mate já saiu está na br 277 em direção a curitiba vai ficar preso no centro de triagem como é que aconteceram os fatos é que cabe prestar atenção bastante atenção passar ele era suspeito de falsificação de dor momentos e corrupção passiva porque quando a polícia de ibaiti interceptou um carregamento de drogas que vinha de ibaiti perto de ponta grossa pra matinhos eles trouxeram o em flagrante a prisão em flagrante destes homens que foram que eram acusados de tráfico de drogas um carregamento grande de cocaína trouxeram pra cá pra matinhos e o delegado titular era max dias lemos os promotores de byte e também os membros do gaeco perceberam que havia algo errado quando souberam que logo depois da saída dos policiais militares este delegado max dias lemos sumiu com a carga e sumiu com com os presos também não ficaram presos às pessoas foram capturadas interceptados no trânsito de byte pra martins ou seja alguma coisa tinha de errado por isso ele foi expedido um mandado de prisão por causa de falsificação de documentos ou seja ele liberou o traficante que não deveriam ter sido liberados e aí na busca na casa dele por provas né por alguma coisa que condenasse ele com relação a esse caso é que os membros do gaeco encontraram esses 200 pinos de cocaína e aí muito preocupante também porque ele admitiu ser viciado em cocaína o delegado titular de uma cidade com martins ele admitiu ser viciado em cocaína e estava com 200 pinos na casa dele um pino cabe mais ou menos uma grama e meia de cocaína é uma quantidade muito grande de passaia lucas obrigado por enquanto vilson o delegado disse que é viciado e claro que diante da lei melhor falar que é viciado do que um colaborador o tráfico de drogas as penalidades são bem diferentes provincía duet para o traficante o delegado max de camisa rosa se de repente fica uma dúvida pra você tem em casa aquela imagem de descendo a escada essa imagem aí revela quem é o delegado max este de camisa rosa acabou responsável pela delegacia de matinhos preso agora pela parte da manhã a operação do gaeco mostra pelo menos na acusação que ele tem conexão com o tráfico de drogas no litoral um homem que poderia estar passando informações sobre as operações o homem que poderia estar facilitando o trabalho dos traficantes isso é sério isso é grave e através da apreensão desse delegado outros também poderão ser presos este é o delegado max o começo do programa teve uma outra foto de um delegado quando eu falava do preso não é aquele que não tem nada a ver aquela história esse é o delegado max lá da delegacia de matinhos este é um homem preso daqui a pouco lucas rocha traz mais informações sobre esse caso que aconteceu no litoral do paraná